Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá | Espetacular e cheio de histórias

Posted on

Por que é que eu demorei tanto pra vir aqui? Essa foi a primeira coisa que passou pela minha cabeça quando entrei pelos portões do Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá, em Minas Gerais. Talvez por eu ser de família mineira, sempre ouvi falar do Grande Hotel e do Parque do Barreiro. Mas só agora, no meio de dezembro, resolvi deixar de lado o “um dia eu vou” pra ir de verdade.  Resultado: me surpreendi.

Eu sabia que o lugar era bonito e grandioso, mas não imaginava que era tanto. Presta atenção:

Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá fotos

O Grande Hotel começou a ser construído em 1938 e foi inaugurado em 1944, pelo Presidente Getúlio Vargas (pensa a pompa que foi isso na época).  O prédio é tombado pelo patrimônio histórico e quase todo preservado exatamente como era nos tempos da inauguração. Lá você vai encontrar salões espetaculares, uma área verde enorme com lago e tudo, além das termas com banhos, massagens e tratamentos pra relaxar e se embelezar. É o lugar perfeito recarregar as energias, passar um tempo em família ou alguns dias de sossego e romance. Tudo isso num cenário que rende fotos incríveis, como estas  grandonas aí de baixo que eu ganhei de presente (sorte demais) da fotógrafa Lívia Fernandes, que foi comigo conhecer o Tauá.

Salão Minas Gerais Tauá Grande Hotel Araxá

No Tauá Grande Hotel, você acorda, toma um café da manhã mais que caprichado e depois pode decidir se vai pra piscina, andar de bicicleta, jogar tênis, remar pelo lago num caiaque, caminhar até a fonte da juventude da Dona Beja, treinar sua pontaria no arco e flecha, passear de pedalinho ou de charrete,  andar a cavalo, correr. Ufa!

Grande hotel Araxá

escada termas grande hotel Araxá

Termas Tauá Grande Hotel Araxá vitral

Mas se você quiser relaxar, é só pegar sua roupa de banho e ir pras termas e nadar na piscina emanatória, fazer uma massagem ou qualquer um dos banhos com lama, aveia ou água das fontes sulfurosas e radioativas que fazem super pra saúde. É nas termas que fica esse piso preto e branco lindão da foto lá de cima e os vitrais ultra coloridos do teto. Cada um dos oito vitrais conta um trecho diferente da história de Minas Gerais. Aliás, o número oito, que representa o infinito, está pra todo lado nas termas: são oito vitrais, oito afrescos, oito pilastras são oito entradas de banho, oito painéis e oito pontas na mandala no piso. Quem gosta de arte e arquitetura fica hipnotizado lá dentro. E mesmo quem não está hospedado no Tauá pode passar o dia nas termas e aproveitar todos os tratamentos, pagando separadamente.

termas Tauá

Nos dias de chuva, uma boa forma de passar o tempo é aproveitar a sala de jogos ou a sala de leitura, que aliás tem uma pintura muito legal cheia de sacis. Mas o que mais me impressionou das opções de diversão indoor foi o Cineteatro. Sim. Tem um cinema lá dentro, com sessão de filmes e tudo. Nos restaurantes a especialidade é a mais que deliciosa comida mineira,  cozinha internacional e cozinha brasileira. Todas as 4 refeições do dia estão inclusas na diária.

Araxá Grande Hotel

Gostei muito do estilo dos quartos também. Olha só:

quartos Tauá Grande Hotel Araxá

Que mais? Ah! Para criançada tem os Taualegres, uma equipe de monitores especializada em botar o pequenos pra gastar energia e brincar o dia todo, enquanto os pais curtem o hotel despreocupados. Além de todas as histórias, Tauá Grande Hotel ainda tem ossos de animais pré-históricos como mamutes e preguiças gigantes que foram encontrados na época da construção. Imagina que sensacional ser criança num lugar desses?

Outra coisa que se percebe logo de cara é a gentileza e simpatia da equipe.

Estão sempre prontos pra ajudar, contar detalhes sobre o hotel e fazer você se sentir bem-vindo. Deu pra perceber que eu me encantei pelo Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá (ai que nome comprido). E você? Já tinha ouvido falar de lá? Sabia que era tão legal assim?

Espero que tenha gostado e, se tiver a chance, vá conhecer porque é realmente sem igual.

Pra conferir os preços e fazer reservas ligue para  (31) 3236-1900 / (34) 3669-7020  ou mandar um e-mail para reservas@taua.com.br

Também dá pra reservar sua estadia com seu agente de turismo ou em sites como booking e decolar.com .

Se quiser fotos lindas como essas grandes do post, chama a Lívia no Facebook.

 

 

  • Adorei as fotos e o post. Morro de vontade de ir, quem sabe rola em 2014? bjos

    • Gabi Alvarenga

      Nati, vai mesmo porque vale muito a pena!
      🙂
      Feliz 2014 pra você!

  • Sandra

    Oi Gabi!Certa vez fiz um tour no hotel acho que em 10 minutos,rsss e fiquei maravilhada…com este post lindo então!?Amei!!!

  • Pingback: Dicas Mochilão Minas Gerais | O que fazer, comer e beber()

  • liviazac

    Gentileza e simpatia ganham meu coração <3 Adorei saber desse lugarzinho em Araxá!

  • Paulo Venoso Costa

    Que charme de lugar, tem certeza que é um hotel? ou é uma fazenda? rsrs, gosto de lugares assim com aparência de “Casarões”, com janelas e portas grandes e aquele ar colonial, tem tantas coisas para fazer que em dias não conhece tudo rsrs, agora 4 refeições diárias inclusas é pra sair de la com uns quilinhos a mais ahahah

    • É um hotel e uma fazenda e um casarãozão imensamente gigante, Paulo! Você vai amar.

  • Camila Pereira

    Olha aí…mais uma que me faz passar vergonha!
    Todo mundo conhece melhor o meu Estado do que eu? Que mineira meia boca que eu sou! rss
    Que total maravilhosooooo! Amei!
    Quero ir para ficar um mês…hehe
    Lindas fotos! Parabéns!
    Bjos

    • Hahaha vergonha nada, Camila! Sinal que Minas tá precisando de mais divulgação. Tudo o que tá fora da rota das Cidades Históricas e de BH/Inhotin fica meio escondido mesmo. E juro que o Grande Hotel é mais maravilhoso ainda do que eu consegui mostrar no post. Pode marcar sua ida. E obrigada pelos elogios. 🙂

  • Rayane Azevedo

    Eu amo esse hotel! Já fui duas vezes e sempre falo que vou voltar! Parabéns pelo post, deu mais vontade ainda de voltar… hehehe

    • Tô doida pra voltar também, Rayane! Passar uns 4 dias pra zerar a cabeça.

  • Thiago Carvalho

    Que lugar encantador! Nunca tinha ouvido falar, mas certamente entrou para a minha lista. Além de super agradável, deve ser relaxante demais! Belíssima fotos. Parabéns pelo post.

    • Obrigada, Thiago! O Grande Hotel é encantador demais mesmo!